Sair do trabalho directo para a praia

do trabalho directamente para a praia

Sair do trabalho directo para a praia

Já alguma vez experimentaram sair do trabalho directamente para a praia para fazer kite?

trabalhar Grande parte das pessoas tem um trabalho com um horário que ocupa 8 horas do dia, muitas vezes fechado em que passa a maioria dessas horas de pé ou sentado a uma secretária em frente a um computador e só lhe apetece fugir para fazer o que gosta… O que no nosso caso, se resume, em ir a correr para uma praia fazer kitesurf!

 

trabalhoQuando se tem um horário das 9:00 às 18:00, nem sempre é fácil de aproveitar o final de tarde para fazer kite, mas quando conseguimos é uma sensação indescritível.

Tem o poder, de nos libertar física e psicologicamente de todo o stresse do dia-a-dia do trabalho, e por momentos, sentimos que já estamos no fim-de-semana.

 

Sentimos, literalmente, uma lufada de ar fresco na nossa semana de trabalho, tornando-a mais fácil de passar.

Ana Silva

Com a chegada do verão e dos dias maiores é o momento certo para fazer uma escapadela à praia no final do dia de trabalho.

No fim-de-semana é por norma a altura em que a maioria das pessoas tem oportunidade para fazer kite. A sensação de felicidade que estes dois míseros dias nos trazem, serve de alento para o resto da semana de mouros que nos espera. Mas, e se desse para dar um saltinho na praia, e aproveitar o vento durante a semana? Toma atenção a estas dicas para optimizar o teu tempo.

O que fazer para optimizar o teu tempo para chegar à praia

sara cerqueira

  • Ver o vento no dia anterior para prever qual o material mais adequado para levar
  • Saber escolher a melhor praia, tendo em conta o melhor tipo de vento e o teu tempo útil para andares.
  • Fica atento ao GPS para prever o tempo que vamos demorar a chegar à praia e eventualmente perceber qual o melhor caminho para evitar trânsito (quando temos de passar pela Ponte 25 de Abril para ir para a praia não há grande escapatória… mas ao menos dá-me uma perspectiva de quanto tempo útil irei ter de vento)
  • Chegando à praia, nada como optimizar o teu tempo. Se já está vento não percas tempo, se não o mais provável é tu perderes o vento e ficares em terra.
  • Aproveitar ao máximo até poderes!

O que ter em conta!

– Tipo de vento

trabalho

Fica atento às previsões para perceber as horas a que o vento pode rodar de direcção, ou se vai diminuir.

Ventos térmicos, normalmente são ventos muito fiáveis que têm hora marcada para chegar e para se irem embora, por isso fica atento e estuda este fenómeno que existe na tua zona.

– Report presencial das condições da praia

fisherman

Tenta perceber se já está alguém na praia e se te pode dar um report real das condições (através das redes sociais, grupos de Whatsup, contactos de amigos…).

– Local onde deixas o material

melting

Evita deixar o material no carro ao sol. O sol/calor excessivo estraga o teu material.

– Tempo útil para kite.

trabalho

Se sabes que à partida vai estar pouco vento, ou que apenas vais ter 30 min (na melhor das hipóteses) de vento bom, se calhar reconsidera a tua ida à praia, ou tenta antecipar a tua ida para a praia.

– Se podes ou não fazer kite nessa praia

trabalho

Na altura da época balnear são mais as praias em que não podes praticar kitesurf, do que as que podes. Por isso, confirma primeiro quais são as melhores praias perto de ti.

 

Lagoa de albufeira

No meu caso, tenho vários factores a favor, não só tenho a possibilidade de entrar mais cedo para adiantar o meu trabalho (e assim sair mais cedo), como também, trabalho numa zona de Lisboa (Lx Factory – Alcântara) que faz com que esteja a 20/30 minutos (se não apanhar com nenhum acidente… se não, estou lixada) das principais praias de kite da margem sul.

trabalho

Na época balnear, costumo ir para uma das praias da Costa (nova vaga, Bela vista) ou para a fonte da telha para poder aproveitar o vento térmico. Consoante as horas em que saiu do trabalho, decido para que praia vou. Se sair cedo vou para as praias da costa, pois o vento térmico entra mais cedo nessas praias. Se sair mais tarde, opto por ir para a fonte da telha (apesar de demorar ligeiramente mais tempo a lá chegar), pois o vento térmico acaba sensivelmente 20/30 minutos mais tarde lá. Quando chego à praia, basicamente é montar o material e ir andar, no final da sessão existe tempo para meter a conversa em dia e fazer um after kite com petiscos e boa companhia.

trabalho

Este pequeno miminho de sair para ir fazer kite faz com que toda a semana passe mais rápido e que o trabalho corra sempre melhor, pois a sensação de felicidade que o kite nos traz é transferido para o resto da nossa vida e dia-a-dia.

trabalho

Se trabalhas relativamente perto de uma praia em que possas fazer kite experimenta! Vais ver que vai valer bem a pena, cada minuto que passas dentro de água.

Deixe uma resposta